O acordo ortográfico na prática

Há um ano atrás, quando mudei o visual deste blogue, disse que ia começar a escrevê-lo segundo o novo acordo ortográfico. Tenho conseguido esse objetivo apenas parcialmente,  não por qualquer dificuldade especial mas simplesmente por esquecimento.

O Record foi dos primeiros, se não o primeiro, jornal a adotar a nova grafia. E o mais engraçado é o quão insignificante essa mudança é. Aposto que 90% dos leitores do jornal não teriam dado pela mudança se o próprio jornal não tivesse chamado a atenção para isso. Provavelmente os mesmos 90% que mais reclamaram contra o acordo.

É que nesta coisa, como em tantas outras, o mais importante é começar. Quando mais jornais e organismos públicos adotarem o acordo, e o processo for irreversível, as pessoas vão inevitavelmente adaptar-se a ele.

acordo-ortografico

 

P.S. – não é por acaso que selecionei esta imagem. Além de ter o "táticos" em grande destaque, tem também o Paulo Bento a botar cátedra em dia de Sporting-Benfica, em que espero que leve um "banho tático"completo. Deus queira que logo à noite não me arrependa de a ter escolhido.

João Nunes

João Nunes é um autor, guionista e storyteller apaixonado por contar estórias e ajudar outras pessoas e marcas a contar as estórias delas. Divide o seu tempo entre Portugal, Brasil e Angola, tendo já escrito mais de 3500 páginas de guiões produzidos de longas metragens, telefilmes, séries de televisão e curtas.

1 thought on “O acordo ortográfico na prática”

  1. Nuno Duarte

    “Táctico” ou “tático” não sei…mas que foi banho isso foi :P

    Saudações leoninas
    ND

A sua opinião é importante. Deixe-a aqui:

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Shopping Cart
  • Your cart is empty.
Scroll to Top
%d bloggers like this: