Avançar para o conteúdo

“Escrever um argumento de um filme é como sair de uma sala de cinema e apercebermo-nos de que o filme que acabámos de ver não existe e depois ser motivado a contá-lo, tim-tim por tim-tim, a um amigo imaginário que é totalmente surdo, com o qual apenas conseguimos comunicar… escrevendo!” — Fernando Fragata

    “Escrever um argumento de um filme é como sair de uma sala de cinema e apercebermo-nos de que o filme que acabámos de ver não existe e depois ser motivado a contá-lo, tim-tim por tim-tim, a um amigo imaginário que é totalmente surdo, com o qual apenas conseguimos comunicar… escrevendo!” — Fernando Fragata, autor e realizador

    A sua opinião é importante. Deixe-a aqui:

    Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.